Obama busca ajuda para a transição em Departamentos de Estado e de Defesa

Washington, 12 nov (EFE).- O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, designou o veterano ex-senador Sam Nunn e o ex-secretário de Estado Warren Christopher para dirigir as respectivas transições nos Departamentos da Defesa e de Estado, anunciou hoje o porta-voz do democrata.

EFE |

Stephanie Cutter, porta-voz da equipe de transição de Obama, disse, ao fazer o anúncio, que Nunn, ex-senador democrata pela Geórgia que presidiu o Comitê de Assuntos Armados da Câmara Alta, será uma espécie de "assessor informal" de Obama ao longo do processo de transição no Pentágono.

Christopher, ex-secretário de Estado na Administração de Bill Clinton, terá papel semelhante diante do Departamento de Estado.

Os dois colaboradores especiais trabalharão com a Administração do atual presidente americano, George W. Bush, para que as transições nos dois departamentos, que são chaves, funcionem com fluência.

Esse processo é especialmente importante no momento em que os Estados Unidos estão envolvidos em duas guerras e tem situações diplomáticas complicadas em lugares-chave como Coréia do Norte, Rússia e Irã. EFE mla/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG