O pré-candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, criticou seu provável oponente republicano, John McCain, por não conseguir dizer a um entrevistador quantas casas possui. Aproveitando-se da gafe de McCain, a campanha de Obama divulgou uma propaganda que diz que se McCain perdeu de vista quantas casas possui (.

..) esta é uma casa em que os Estados Unidos não podem se dar ao luxo de deixar McCain entrar." A imagem que aparece é a da Casa Branca, sede do Executivo americano.

Em uma referência a recentes declarações positivas de McCain sobre a situação econômica do país, Obama disse em discurso a seus simpatizantes: "Se você não sabe quantas casas você tem, então não é de se surpreender que você possa achar que a economia está fundamentalmente forte."
Assessores de McCain disseram mais tarde que ele possui "pelo menos quatro" casas, embora Obama tenha afirmado que são, na verdade, sete.

O debate começou quando o republicano deu uma entrevista ao site Politico. Ao ser indagado sobre seu patrimônio, McCain vascilou: "Acho...Minha equipe vai lhe informar."
A campanha de McCain respondeu às críticas de Obama divulgando sua própria propaganda, acusando o democrata de "obter ajuda" do empresário Antoin Rezko para comprar sua mansão de US$ 1 milhão em Chicago.

Os assessores da campanha do republicano ressaltaram os antecedentes de Rezko, que foi condenado por fraude e lavagem de dinheiro no começo do ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.