Obama anuncia candidatura à reeleição em 2012

Vídeo divulgado em site oficial formaliza intenção do líder americano de se candidatar a um segundo mandato

iG São Paulo |

O presidente dos EUA, Barack Obama, anunciou formalmente nesta segunda-feira sua intenção de se candidatar a um segundo mandato em 2012. A equipe de Obama divulgou um vídeo em seu site oficial e enviou um email a seus partidários anunciando seus planos.

"Estamos fazendo isso agora porque a política na qual acreditamos não começa com caros anúncios na televisão, mas com você - com as pessoas se organizando a cada quarteirão, falando com seus vizinhos, colegas de trabalho e amigos", afirmou Obama, no email. "Esse tipo de campanha leva tempo para ser construída. Então embora eu esteja focado no trabalho que você me elegeu para fazer, e embora a corrida presidencial não acelere até o ano que vem, a base de nossa campanha deve começar a ser feita hoje."

Obama tem uma rede online de milhões de americanos, e sua campanha pela internet foi vista como chave para sua eleição em 2008. Na página oficial, os partidários já podem se registrar para ajudar na próxima campanha.

Os documentos para a candidatura oficial de Obama à reeleição serão apresentados às autoridades americanas esta semana. Uma vez que os documentos forem aceitos, o líder poderá começar a arrecadar dinheiro para a campanha.

Veja o vídeo divulgado nesta segunda-feira:

Apesar de o anúncio formal só ter sido feito nesta segunda-feira, a intenção de Obama de se reeleger já era conhecida. No final de 2010, várias mudanças aconteceram na Casa Branca para liberar nomes fortes como o secretário de imprensa Robert Gibbs, que vão definir a estratégia para 2012.

Um dos desafios será conquistar os eleitores que o apoiaram em 2008, mas sentem que o desempenho do presidente ficou aquém das promessas do candidato. Segundo pesquisa do Gallup publicada em janeiro, apenas 3 em cada 10 americanos estão satisfeitos com o esforço de Obama para trazer “mudança”, palavra-chave da campanha.

Em entrevista ao jornal americano “The New York Times” publicada em novembro de 2010, Obama rejeitou a possibilidade se esquivar de assuntos politicamente arriscados para assegurar uma vitória em 2012. “Se você está me perguntando se nos próximos dois anos vou deixar as coisas difíceis de lado”, afirmou ao repórter do jornal, “a resposta é não”.

Com BBC

    Leia tudo sobre: obamareeleiçãoeleiçãoeua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG