Obama: agressividade russa é ameaça à paz

O candidato democrata à Casa Branca Barack Obama advertiu nesta sexta-feira que uma Rússia reerguida e agressiva representa uma ameaça à paz regional.

AFP |

No primeiro debate da campanha presidencial de 2008, seu adversário republicano John McCain reagiu acusando-o de manter uma postura ingênua em relação à Rússia e à invasão russa na Geórgia.

"Acho que, levando em conta o que aconteceu nas últimas semanas e meses, toda a nossa abordagem em relação à Rússia precisa ser avaliada, porque uma Rússia reerguida e muito agressiva é uma ameaça à paz e à estabilidade da região", ponderou Obama.

"As ações russas na Geórgia foram inaceitáveis", continuou.

McCain, que já fez ameaças de expulsar a Rússia do G8, acusou o senador democrata de falar com "um pouco de ingenuidade".

"Ele não entende que a Rússia cometeu sérias agressões contra a Geórgia", apontou McCain, argumentando que uma Rússia enriquecida pelo petróleo era "basicamente um governo apparatchik da KGB".

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG