WASHINGTON (Reuters) - O presidente Barack Obama cancelou na quinta-feira uma viagem para a Indonésia e a Austrália, programada para a semana que vem, a fim de se concentrar na investida final na reforma do sistema de saúde dos EUA, informou a Casa Branca. O presidente lamenta profundamente o adiamento, disse o porta-voz da Casa Branca Robert Gibbs a jornalistas, dizendo que a visita à Indonésia seria remarcada para junho.

Obama havia planejado usar a viagem entre 21 e 26 de março, sua primeira viagem internacional do ano, para aprofundar os laços norte-americanos com a região da Ásia do Pacífico em face à crescente influência chinesa ali.

Ele afirmou que Obama, que deveria partir no domingo, telefonou para o presidente da Indonésia, Susilo Bambang Yudhoyono, e ligaria para o primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, para lhes contar sobre a mudança de planos.

Obama já havia adiado a sua partida em três dias a fim de tentar obter aprovação do Congresso para a reforma na saúde, sua prioridade máxima no legislativo e questão que deverá marcar as eleições para o Congresso dos EUA, em novembro.

(Reportagem de Matt Spetalnick)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.