Obama abre mão de usar recursos públicos para a campanha

O senador democrata Barack Obama anunciou nesta quinta-feira que decidiu não usar recursos públicos para financiar sua campanha para a Presidência dos Estados Unidos. Ao renunciar aos quase US$ 80 milhões disponíveis para enfrentar o seu provável rival republicano, o senador John McCain, o virtual candidato democrata à Casa Branca fica livre para recorrer a doadores privados.

BBC Brasil |

"Não é uma decisão fácil, e especialmente porque eu apóio um sistema robusto de financiamento público das eleições", disse Obama em mensagem aos seus partidários. "Mas o financiamento público como existe hoje está quebrado, e nós enfrentamos oponentes que se tornaram mestres em apostar nesse sistema quebrado."
Segundo o senador por Illinois, a campanha republicana já está usando fundos privados de lobistas e grupos que têm interesses especiais em Washington.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG