O Holocausto é uma advertência para a Humanidade, concordam Papa e Merkel

O Papa Bento XVI e a chanceler alemã, Angela Merkel, consideraram que o Holocausto representa uma advertência para a Humanidade, durante conversa telefônica, informou neste domingo em um comunicado o Vaticano.

AFP |

Terça-feira passada, Merkel havia julgado que o "esclarecimento do Vaticano" sobre a reintegração de um bispo negacionista era "insuficiente". Ela considerou em seguida, na quinta-feira, "positivo" o fato de o Vaticano ter pedido ao bispo negacionista Richard Williamson que volte atrás, em público, em suas declarações sobre a Shoah.

ljm/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG