O ditador Franco perdeu um testículo na guerra (escritor espanhol)

O ditador espanhol Francisco Franco perdeu um testículo na guerra na África, afirma no jornal El Mundo deste domingo o jornalista e escritor espanhol José María Zavala, que se baseou no testemunho da neta do urologista do general.

AFP |

A doutora Ana Puigvert disse ao jornalista que seu avô Antonio Puigvert, reconhecido urologista que tratou de Franco (1892-1975), comentou com ela este detalhe diversas vezes.

Zavala, autor do livro "Franco, o republicano. A vida secreta de Ramón Franco", sobre o irmão do ditador, afirmou que o general perdeu um testículo ao ser ferido em 1916 durante uma batalha no norte da África, quando esta região era colônia espanhola.

Além disso, afirmou com base em outros testemunhos, que a perda de um testículo pode tê-lo deixado estéril.

Sua obra também reúne outros testemunhos segundo os quais Carmen, a única filha de Franco, seria na realidade filha de seu irmão Ramón e de uma prostituta.

Franco dirigiu um levante militar contra o governo republicano espanhol que desembocou na Guerra Civil (1936-1939) e uma longa ditadura (1939-1975).

fz/lm/nh/

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG