O atirador da escola na Alemanha cometeu suicídio ao confrontar a polícia

O adolescente alemão de 17 anos que matou 16 pessoas nesta quarta-feira perto de Stuttgart se suicidou, anunciou à AFP um porta-voz da polícia regional de Esslingen.

AFP |

"De acordo com as informações mais recentes, ele foi atingido numa troca de tiros (com a polícia) e aí usou a arma dele contra si mesmo", afirmou o porta-voz Fritz Mehl.

As informações anteriores falavam que o estudante havia simplesmente sido morto na troca de tiros com a polícia.

Pelo menos 16 pessoas morreram na manhã desta quarta-feira na Alemanha quando o adolescente vestido com roupa militar abriu fogo em uma escola técnica da região de Stuttgart, sudoeste do país.

Dez mortos na chacina eram alunos com idades entre 16 e 17 anos, segundo a polícia. Três eram professores e os outros três pessoas que estavam no caminho do atirador. Mais de 10 pessoas ficaram feridas.

A polícia identificou o suspeito como Tim K., ex-aluno da escola "Albertville" de Wennenden, cidade de 28.000 habitantes situada ao nordeste de Stuttgart, onde aconteceu o massacre.

bur-fc/fp/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG