Tony celebra Broadway em noite de premiação

NOVA YORK - As produções da Broadway com raízes nos teatros de Londres dominaram o 63º Prêmio Tony no domingo, com Billy Elliot ganhando como melhor musical e nove outros prêmios e God of Carnage recebendo a homenagem como melhor peça, diretor e atriz.

The New York Times |

Ainda que inúmeras categorias tenham sido incomumente competitivas este ano por causa de um número maior de fortes produções na Broadway, também não houve grandes decepções.

Os três adolescentes que compartilham o papel título de "Billy Elliot" (David Alvarez, Trent Kowalik e Kiril Kulish) receberam em conjunto o prêmio de melhor ator em um musical, como esperado. Juntos no palco, eles cobriam os rostos com as mãos enquanto proclamavam expressões como "oh meu Deus" e "não acredito". Depois fizeram uma longa pausa, aparentemente tentando descobrir quem iria falar primeiro (prêmios coletivos são raros no Tony), e então agradeceram seus pais e irmãos e professores.


Elton John toca música de Billy Elliot durante festa / NYT

"Queremos dizer a todos os jovens que querem dançar, que nunca desistam", disse Kulish.

"Billy Elliot" se mostrou um sucesso comercial e de crítica na temporada 2008-9 da Broadway, geralmente conquistando mais de US$ 1 milhão por semana apesar da recessão.

Elton John, que compôs as musicas do espetáculo, agradeceu a audiência pelo sucesso ao aceitar o prêmio de melhor musical. "Nós chegamos em um momento de dificuldade econômica, vocês abriram suas carteiras e seus corações e nós os amamos por isso", ele disse.

Os prêmios deste ano foram distribuído de maneira igualitária, com 14 espetáculos premiados. "Billy Elliot" foi o que recebeu mais prêmios, com "Next to Normal" e "God of Carnage" em seguida, com três cada.

- PATRICK HEALY

Leia mais sobre Tony Awards

    Leia tudo sobre: tony awards

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG