Ratos e camundongos podem habitar a mesma área, mas não interagem

PERGUNTA: Moro em um condomínio que antes era uma fábrica transformada em um conjunto habitacional. Temos camundongos por aqui, mas nenhum rato. É verdade que eles nunca ocupam a mesma área?

The New York Times |

RESPOSTA: Ratos domésticos e seus primos do interior, os ratos de patas brancas, podem até freqüentar a mesma área, mas tendem a não interagir com os ratos-marrons, bem maiores, velhos conhecidos da população urbana, como disse John W. Hermanson, professor associado do Cornell College of Veterinary Medicine em Ithaca, Nova York.

Parte dos motivos reside na questão da oferta de comida, sugeriu o professor. Camundongos procuram por grãos, apesar de comerem muitas outras coisas, ao passo que os ratos preferem o lixo do homem, tão abundante nas cidades. Se a oferta de lixo é limitada, os ratos ferozes sempre irão vencer os tímidos camundongos na luta pela comida.

Mas o que dizer de um lugar com camundongos, mas sem ratos? Hermanson afirmou suspeitar de um fator estrutural: um apartamento razoavelmente limpo pode eliminar bons esconderijos para ratos maiores, enquanto camundongos se viram bem em residências menores.

Ratos procuram lugares com bastante abrigo, acesso a comida e bons lugares para se esconder de gatos, pássaros e gente, ele disse. Também é possível, continuou o professor, que os ratos estejam presentes, mas sem serem vistos, talvez só aparecendo à noite ou se alimentando em horários e lugares diferentes dos camundongos.

Eles podem surgir em uma situação extrema ¿ se o prédio for demolido, por exemplo. Os machos mais jovens encaram mudanças muito bem, disse ele, apesar de serem muito fiéis a seu território em situações normais.

- C. Clairborne Ray

    Leia tudo sobre: camundongosratos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG