Rastreando uma invasão de formigas para um punhado de rainhas

Ao estudar uma espécie invasora, os cientistas querem saber como um novo território é colonizado ¿ onde, quando e como chegou, e com quantos colonos.

The New York Times |

A formiga Solenopsis, conhecida nos Estados Unidos como red imported fire ant, é uma peste invasora no sul dos Estados Unidos e outros países. Cientistas sabem algo sobre sua chegada da América do Sul, sua terra nativa: ela veio em um navio de carga que descarregou no porto de Mobile, Alabama, em meados dos anos 30.

Agora, Kenneth G. Ross da Universidade da Georgia e D. DeWayne Shoemaker do Departamento de Agricultura dos EUA têm também uma estimativa do número de colonos. (Como as formigas operárias são estéreis, as fundadoras deveriam ser rainhas parceiras.)

Os pesquisadores analisaram dados genéticos de formigas na América do Sul e nos Estados Unidos para determinar o grau de variação genética, e então estimaram o número de rainhas que levaria a tal variação.

Conforme os pesquisadores relatam em Proceedings of the Royal Society B: Biological Sciences, é provável que a invasão inicial tenha ocorrido com 9 a 20 rainhas sem parentesco, embora os resultados sugiram que possa ter havido uma ou mais invasões secundárias. De qualquer forma, um punhado de rainhas é responsável pela disseminação dessas formigas no Sul, onde picam pessoas, atrapalham campos e fazem delas uma constante perturbação.

    Leia tudo sobre: formiga

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG