Obama abandona ideia de indicar especialista para a indústria automobilística

DETROIT - O presidente Barack Obama abandonou a ideia de indicar um único poderoso especialista para coordenar as mudanças na General Motors e na Chrysler e, ao invés disso, irá manter a tarefa politicamente delicada nas mãos de seus consultores econômicos sênior, afirmou um oficial da gestão na noite de domingo.

The New York Times |

Obama irá designar o secretário do Tesouro, Timothy F. Geithner, e o presidente do Conselho Econômico Nacional, Lawrence H. Summers, para coordenarem um painel presidencial sobre a indústria automobilística. Geithner também irá supervisionar os acordos sobre o empréstimo de US$ 17,4 bilhões que já está em prática com a GM e Chrysler, afirmou o oficial, que insistiu em permanecer anônimo.

O oficial também disse que Ron Bloom, especialista em reestruturação que aconselhou sindicatos trabalhistas nos setores prejudicados do aço e aviação, será indicado como conselheiro sênior do Tesouro para a crise automobilística.

A inesperada mudança acontece conforme a GM e a Chrysler correm para completar uma ampla reestruturação que deve ser apresentada ao Tesouro na terça-feira. Os planos das companhias devem mostrar progresso em cortar os custos a longo prazo como condição para manterem seus empréstimos.

O oficial afirmou ainda que o presidente reservará a si mesmo a decisão sobre a viabilidade da GM e da Chrysler, ambas as quais chegaram perto da falência antes de receberem ajuda federal há dois meses.

Um dos principais conselheiros de Obama disse no domingo que a gestão ainda não descartou uma falência apoiada pelo governo como forma de recuperar as automobilísticas.

"Nós precisaremos da reestruturação destas companhias", afirmou David Axelrod, durante uma participação no programa "Meet the Press" da emissora NBC. Ele acrescentou que a recuperação destas companhias precisará de "sacrifícios por parte dos funcionários das automobilísticas mas também de seus financiadores, acionistas e executivos".

As automobilísticas têm esperado a indicação de um especialista para ajudar a destravar as negociações com o sindicato United Auto Workers a respeito das finanças do fundo de assistência médica aos aposentados e com os donos de ações sobre a dívida das companhias.

- BILL VLASIC

Leia mais sobre Barack Obama

    Leia tudo sobre: barack obama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG