O que podemos esperar das prévias desta terça-feira

A nova rodada de prévias democratas, que têm agora como palco os Estados da Carolina do Norte e Indiana, será uma oportunidade única para a senadora Hillary Clinton provar que os ventos estão soprando a seu favor, além de permitir que a candidata se aproxime ao número de delegados e votos populares, liderados até aqui pelo senador Barack Obama (deixando de lado as disputas na Flórida e Michigan). Já para Obama, pode ser hora de acabar com as insinuações de Hillary que ele seria um candidato fraco nas eleições gerais que acontecem no próximo mês de novembro.

The New York Times |



Seguem abaixo três possíveis resultados da corrida desta terça-feira, sem uma ordem particular:

Hillary vence em Indiana e na Carolina do Norte

Frente aos grandes obstáculos que a candidata enfrenta, uma vitória de Hillary poderia, como diria Barack Obama, mudar o mundo, ou ao menos iniciar este processo.

Este é um sinal de que ela está ganhando impulso na corrida, disse Ron Klain, consultor democrata que não apóia nenhum dos candidatos. A Carolina do Norte é um Estado que aparentemente é um forte reduto de Barack Obama. O quanto tal resultado poderia afetar a corrida depende dos contornos de suas vitórias.

A esta altura, a corrida é tão importante quanto aos superdelegados como é em relação aos eleitores das prévias que ainda estão para acontecer, e uma vitória dupla de Hillary poderia certamente dar força a seu argumento de que Obama é um candidato fraco para as eleições gerais contra o rival republicano, o senador John McCain.

Obama vence em Indiana e na Carolina do Norte

Uma dobradinha de Obama poderia quase que certamente liquidar a campanha de Hillary. Isso sinalizaria o fim da campanha da ex-primeira dama, disse Jerry Meek, chefe do departamento democrata da Carolina do Norte, que também não assumiu qualquer posição em relação à corrida. Eu não vejo como ela poderia seguir com sua candidatura caso perdesse em ambos os Estados. Ela estaria lutando por uma batalha perdida.

Divisão das vitórias

A provável divisão das vitórias seria Hillary levar a disputa de Indiana e Obama ser o vencedor na Carolina no Norte. Isto certamente significaria que a corrida deve continuar.

Mas não será fácil para Hillary seguir no campo de batalha se ela não aproveitar esta terça-feira para impulsionar sua campanha em relação aos delegados comprometidos e voto popular.

A matemática ainda favorece o senador Obama ¿ não importa o que aconteça nesta terça-feira, apontou Klain.

Mas então ele ofereceu uma possibilidade que favoreceria a campanha da ex-primeira dama. Em contrapartida, vitórias recentes atingem mais a opinião das pessoas do que as corridas antigas, no início da rodada de prévias.

-Adam Nagourney

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG