Número de eleitores registrados como democratas aumenta

Muito antes de os senadores Barack Obama e John McCain conquistarem a indicação de seus partidos, uma mudança partidária acontecia local e estadualmente nos Estados Unidos. Desde 2005 houve uma redução no número de eleitores registrados no partido republicano e um aumento nos afiliados aos democratas. Quase no mesmo ritmo, cresceu o número de eleitores independentes.

The New York Times |

Ainda que as implicações destas mudanças para Obama e McCain ainda não sejam claras, especialistas afirmam que os números dos registros podem mostrar o início de uma distanciamento dos republicanos que pode afetar a política local, estadual e nacional em diversos ciclos políticos.

Em diversos Estados, incluindo regiões tradicionalmente disputadas como Nevada e Iowa, os democratas surpreenderam seu próprio partido com o aumento na registro para votos. Nestes dois Estados, agora existem mais democratas registrados do que republicanos, uma mudança significativa da realidade em 2004. Nenhum Estado passou a ter mais republicanos no mesmo período, de acordo com informações de 26 dos 29 Estados nos quais os eleitores se registram por partido. (Três destes não possuíam dados completos.)

Em seis Estados, incluindo a Pensilvânia, New Hampshire e Iowa, a participação dos democratas na eleição registrada aumentou mais de 3%, enquanto a republicana caiu. Apenas em três Estados (Kentucky, Louisiana e Oklahoma) a registro republicana aumentou enquanto a democrata caiu, mas este aumento representou menos de 1% em Kentucky e Oklahoma.

No mesmo período, a quantidade de eleitores registrados como independentes cresceu mais rapidamente do que aqueles relacionados aos partidos em 12 Estados. O aumento é tão significativo que em Estados como o Arizona, a Carolina do Norte e o Colorado, eleitores não partidários constituem uma espécie de terceiro partido.

"Isso sugere que há uma mudança em andamento no eleitorado", disse Michael P. McDonald, do Brookings Institute e professor de ciências políticas da Universidade George Mason. Ele acrescentou que os padrões de votação e registro do voto tendem a equilibrar ou reverter ao partido de oposição entre eleições.

Entre os 26 Estados que mantêm dados sobre a registro, a quantidade dos que assinaram com os democratas aumentou em 15 Estados desde 2004 e entre os republicanos em seis Estados. O número de democratas registrados caiu em 15 Estados, em comparação aos 20 em que a quantidade de republicanos diminuiu .

Por JENNIFER STEINHAUER

Leia mais sobre eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG