Mães que vivem perto de rodovias têm mais bebês com problemas de peso

Um estudo canadense sugere que mães que vivem próximas a rodovias têm mais tendência a dar à luz a bebês prematuros ou abaixo do peso, mas, contrariando estudos anteriores, essa associação só foi encontrada em bairros mais ricos.

The New York Times |

O estudo, publicado na edição de agosto do Journal of Epidemiology and Community Health, observou registros médicos de 99.819 nascimentos em Montreal de 1997 a 2001. Os pesquisadores mediram a distância do endereço das mães à rodovia mais próxima e determinaram seus níveis socioeconômicos e de educação a partir de dados do censo.

Eles descobriram que, comparado a viver em um bairro rico mais afastado, viver em um bairro rico a até 202 metros de uma rodovia estava associado com um aumento de risco de 58% de parto prematuro, 81% de aumento de risco de nascimento de bebês abaixo do peso, e 32% de risco aumentado de o bebê ser pequeno para sua idade gestacional. A proximidade de estradas não foi associada a nenhum efeito adverso no parto em bairros mais pobres.

Mães de baixa renda são expostas a mais fatores de risco ¿ fumo, má nutrição, pouco acesso a cuidados pré-natais, violência doméstica, disse Dr. Melissa Genereux, principal autora e médica residente da Universidade de Montreal. Mães que têm maiores vantagens são protegidas desses fatores de risco, então elas podem ser mais afetadas pelo acréscimo de um único fator de risco novo, a poluição das rodovias.

-Nicholas Bakalar

    Leia tudo sobre: bebêsmãesrodovias

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG