Inverno prejudica fontes de energia renováveis

O inverno, aparentemente, não gosta das fontes de energia renováveis. Nessa época do ano, turbinas de vento enchem de gelo, biocombustíveis congelam nos tanques e painéis solares produzem menos energia porque não há tanto sol. Além disso, o mais irritante para quem os adotou, os painéis ficam cobertos de neve, inutilizando sua aplicação mesmo quando pálidos raios chegam até eles.

The New York Times |

NYT
Homem retira neve de painéis solares, geradores de energia

Em regiões nas quais proprietários de imóveis há muito reclamam de tirar a neve das calçadas, ainda é preciso tirá-la de seus painéis solares. "Pelo menos eu consigo fazer isso com um grande rodo", disse Alan Stankevitz, morador de Minnesota.

Em janeiro de 2007, um ônibus parou no meio de uma estrada interestadual nas montanhas do Colorado. Isso aconteceu porque o biocombustível congelou em seu tanque por causa do rígido inverno, de acordo com John Jones, diretor da companhia de transporte Summit Stage.

O inverno pode ser ainda mais perigoso perto de turbinas eólicas. Algumas pessoas contam que elas desprendem pedaços afiados de gelo ao rodar.

"É como se jogássemos um vidro contra elas e o resultado fossem partículas afiadas para todos os lados", disse Ralph Brokaw, criador de gado que tem turbinas em sua propriedade.

Do ponto de vista do fornecimento de energia, o inverno é bom para as turbinas, porque venta mais nessa época do ano do que no verão. Em Vermont, por exemplo, a Green Mountain Power, que opera uma pequena fazenda de vento na região sudeste do Estado, obtém mais do que o dobro da energia no inverno do que no verão.

O oposto acontece em relação à energia solar. Os dias são mais curtos e o sol está mais baixo no céu, gerando menos energia através dos painéis.

- KATE GALBRAITH

    Leia tudo sobre: energiaenergia solareuainverno

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG