Eleições presidenciais dividem a casa de Schwarzenegger

LOS ANGELES - Uma coisa é discordar da opinião política de seu companheiro num churrasco no quintal de casa, outra é fazer isso diante de 38 milhões de pessoas na Califórnia, com enorme paixão.

The New York Times |

De todos os partidários dos candidatos à presidência esse ano, nenhum casal é tão intrigante quanto o governador Arnold Schwarzenegger - republicano que ofereceu seu apoio ao senador John McCain - e sua mulher Maria Shriver - democrata e defensora do senador Barack Obama.

Os quatro filhos de Schwarzenegger - com idades entre 10 e 18 anos - já tomaram partido, apesar de apenas um deles, Katherine, ter idade para votar. Ela favorecerá Obama.

Vantagem para Shriver.

"Eu acho que é importante que as crianças cresçam sabendo que não vivemos num sistema de partido único", disse Shriver. "Existem duas formas de se ver uma questão. Ser paciente e se entregar, essas são boas lições não apenas na política mas na vida".

Tudo começou nesse inverno quando Schwarzenegger anunciou sua aliança a McCain, nada surpreendente, e então Shriver apareceu num comício de Obama em Los Angeles anunciando seu apoio juntamente com outros membros da família Kennedy alguns dias depois - muito surpreendente.

Na Super Terça, o governador acordou e descobriu seu jardim cheio de pôsteres de Obama. Buscando uma visão mais equilibrada, ele imediatamente pediu que seus assistentes trouxessem o mesmo número de pôsteres de McCain.

Ele e ela devem se pronunciar durante as convenções de cada partido nesse verão. Shriver foi mencionada como a possível delegada de Obama para a campanha na Califórnia.

"Nós esperamos que os californianos fiquem do lado de sua primeira dama em novembro, mesmo que o governador não fique", disse Bill Burton, porta-voz do comitê de campanha de de Obama.

De sua parte, Schwarzenegger deve ajudar a campanha de McCain conforme as eleições se aproximem. McCain espera atrair com ele o voto dos moderados que Schwarzenegger conquistou.

O casal dá esperança a outros.

"Nós claramente somos um melhor partido", disse Emily DeRose, porta-voz do Partido Democrata no Arizona, recém-casada com um republicano partidário de McCain. "Eu amo Maria Shriver, eu li seus livros e realmente admiro ela. Ele, bem, eu gosto de seus filmes".

Por JENNIFER STEINHAUER

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG