Editorial: Votação antecipada faz sucesso em Estados americanos

Algumas coisas estão erradas nesta eleição, de urnas eletrônicas que não funcionam aos eleitores serem impedidos de votar. Mas uma coisa esta certa: a votação antecipada. Em mais de 30 Estados que permitem a prática, os eleitores têm votado em números recordes. O voto antecipado tem muitas vantagens. A principal delas é que torna mais provável que os eleitores registrados participem do processo democrático.

The New York Times |

O dia da eleição tradicionalmente é isso mesmo, um dia, uma terça-feira. O Congresso marca as eleições federais para a terça-feira porque a data funciona bem para os fazendeiros e observantes do sabat.
Mas no século 21, ter um dia para votar parece um artefato antiquado.
Os eleitores têm que encaixar a passagem pela urna na sua agenda diária de trabalho, família e outras responsabilidades. Muitos não encontram tempo, principalmente quando as filas são longas, como têm sido nos últimos anos.

A resposta, como muitos Estados descobriram, é se afastar do modelo de votação em um único dia e permitir que os votos sejam computados ao longo de algumas semanas. Os eleitores de todo o país responderam com entusiasmo à nova medida. Na Flórida, mais de um milhão de pessoas já passaram pelos centros de votação antecipada, algumas chegaram a esperar horas nas filas. Na Geórgia também, mais de um milhão de pessoas já votaram, um número muito maior do que as menos de 500 mil que adotaram a prática há quatro anos.


Eleitores votam antecipadamente em Denver / AP

Algumas pessoas têm medo de votar antecipadamente. Como Susan Saulny reportou no The New York Times na quarta-feira, há rumores na comunidade negra de Jacksonville, Flórida, de que a prática é um truque para descartar seu voto. A história de manipulações eleitorais no Estado autoriza algum ceticismo sobre os procedimentos eleitorais, que são até necessários.

Mas a verdade é que o voto antecipado dificulta que impeçam que eleitores elegíveis deem sua opinião. Caso autoridades eleitorais tentem exigir a apresentação de uma identidade durante o voto quando isso não é exigido por lei, os eleitores podem simplesmente voltar no dia seguinte. Truques sujos também são mais difíceis nesta situação.
Se operações políticas tentarem prejudicar as linhas de informação sobre as eleições, como fizeram no dia da eleição em New Hampshire em 2002, seria mais difícil fazer isso ao longo de duas semanas.

A votação antecipada também reduz o peso para os sistemas eleitorais que geralmente operam no limite. Em 2004, os eleitores esperaram até 10 horas nas filas. Tudo indica que, em alguns lugares em alguns momentos, as filas serão enormes na terça-feira. Quanto mais pessoas votarem antes, menos terão que enfrentar filas nas urnas no dia da eleição.

Agora que está claro o sucesso do processo de votação antecipada, os Estados que não adotaram a prática (inclusive Nova York) devem fazê-lo. O Congresso deveria obrigar a votação antecipada para eleições federais também - de preferência como parte de uma ampla lei que conserte inúmeros problemas com o sistema eleitoral. Hoje, a idéia de que toda a votação deva acontecer numa janela de 15 horas, ou menos, em um único dia é tão ultrapassada quanto a cédula de papel.

Leia mais sobre eleições nos EUA


    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG