TERRE HAUTE, Indiana ¿ O sarcasmo deles parece crescer a cada dia, mas os senadores John McCain e Barack Obama disseram no sábado que planejam fazer uma rara aparição juntos no sétimo aniversário dos ataques de 11 de setembro.

As campanhas já pediram para que seus comerciais fossem suspensos na quinta-feira, e McCain e Obama estão escalados para comparecer a um fórum de serviço nacional na Universidade de Columbia na noite de quinta-feira.  

A idéia de exibir unidade surgiu de uma conversa entre os dois na semana passada, disseram os assessores, depois que Obama, o indicado democrata à presidência, chamou McCain para parabenizá-lo pela indicação republicana. 

Todos nós nos unimos em 11 de setembro, não os democratas ou republicanos, mas os americanos, disseram os candidatos em um comunicado conjunto. Nos corredores de fumaça e nos degraus do Capitólio, nos bancos de sangue e nas vigílias, nós estamos unidos como uma família americana.

Na quinta-feira, nós vamos deixar de lado a política e vamos renovar essa unidade, para honrar a memória de cada e todo americano que morreu e sofrer com as famílias e amigos que perderam pessoas amadas.

A aparição conjunta será a primeira de muitas para McCain e Obama nos dois meses finais da campanha eleitoral, incluindo três debates. O primeiro será realizado em 26 de setembro.  

Por JEFF ZELENY

Leia mais sobre eleições nos EUA


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.