foi indicado por seu partido na quarta-feira para ser o 44º presidente dos Estados Unidos." / foi indicado por seu partido na quarta-feira para ser o 44º presidente dos Estados Unidos." /

Democratas indicam Barack Obama à presidência dos Estados Unidos

DENVER - Barack Hussein Obama, o senador calouro que derrotou a principal família do Partido Democrata com a promessa de novos rumos na política americana, http://ultimosegundo.ig.com.br/eleicoeseua/2008/08/27/obama_recebe_nomeacao_oficial_do_partido_democrata_1603605.html target=_topfoi indicado por seu partido na quarta-feira para ser o 44º presidente dos Estados Unidos.

The New York Times |

O voto unânime fez de Obama o primeiro afro-americano a ser indicado por um grande partido à presidência. O momento marcou o fim de uma amarga disputa de dois anos pela indicação com a senadora senadora Hillary Rodham Clinton, que diante de um estádio lotado pediu que a votação fosse interrompida para que a convenção pudesse indicar Obama por aclamação. Isso foi feito e seguido de gritos e abraços, enquanto a platéia entoava "Yes, we can" (Sim, Nós Podemos), o lema da campanha do senador de Illinois.

Num esforço para aliviar a animosidade restante da temporada das primárias, o ex-presidente Bill Clinton ofereceu um entusiasmado e claro apoio à capacidade de Obama de ser presidente . Sua mensagem, bem como ele mesmo, foi ovacionada pelas pessoas presentes na convenção.

"Na noite passada Hillary nos disse em termos exatos que irá fazer tudo que puder para eleger Barack Obama", disse Clinton. "Nós somos dois".

Clinton fez exatamente o que a campanha precisava que ele fizesse: atestou o preparo de Obama para ser presidente, depois de uma campanha primária amplamente baseada na premissa de Hillary Clinton do oposto.

"Eu digo a vocês: Barack Obama está pronto para liderar a América e restaurar a liderança americana no mundo", disse Clinton. "Barack Obama está pronto para preservar, proteger e defender a Constituição dos Estados Unidos. Barack Obama está pronto para ser o presidente dos Estados Unidos".

O senador Joe Biden, escolhido por Obama para a vice-presidência, aceitou a indicação com um discurso em que falou amplamente sobre seu passado como trabalhador , de fato se oferecendo para validar Obama entre um grupo de eleitores relutante em abraçar o indicado democrata.

Após seu discurso de 21 minutos, a mulher de Biden, Jill, subiu ao palco e disse que eles receberiam um convidado inesperado.


Obama se encontrou com Biden em visita surpresa / AP

A multidão saudou efusivamente a chegada de Obama. "Se estou correto, Hillary Clinton animou a casa na noite passada", ele disse, olhando para o local onde Bill e Hillary Clinton estavam e liderando os aplausos do público. "E o presidente Clinton nos lembrou de como é ter um presidente que realmente coloca as pessoas em primeiro lugar. Obrigado."

Por ADAM NAGOURNEY

Leia também:

Leia mais sobre: Convenção Democrata - eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG