Blog de texano revela Vladimir Putin em atmosfera mais leve

Em entrevista a professor de inglês americano, ex-presidente e atual primeiro-ministro russo tenta suavizar sua imagem no Ocidente

The New York Times |

Gayne C. Young, um professor de inglês do Ensino Médio de Fredericksburg, no Texas, não é um especialista em política externa. O blog que ele escreve para a Outdoor Life, uma revista sobre caça e pesca, centra-se sobre temas como o seu filhote de labrador, carpas extraordinariamente grandes e um bosque perto da sua casa que foi invadido por porcos selvagens.

AFP
Primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, em visita a Minsk, capital da Bielo-Rússia (19/5/2011)
No entanto, na semana passada Young conseguiu um furo jornalístico, publicando uma longa entrevista por escrito feita com o primeiro-ministro da Rússia, Vladimir V. Putin.

Young aproximou-se do governo russo no ano passado depois de blogar repetidamente sobre a sua "paixão" por Putin e as perguntas que enviou ao primeiro-ministro russo eram, digamos, fáceis. Entre elas: "Há animais como o pé grande na taiga russa?" e "Você é o homem mais descolado da política?"

A decisão de conceder a entrevista parece ser parte de uma tentativa por parte de Putin de suavizar sua imagem no Ocidente.

Durante os três anos desde que Putin entrou em um acordo de partilha do poder com o presidente DmitrI Medvedev, o presidente tem sido retratado como o rosto sorridente de um "renascimento" nas relações com os Estados Unidos.

Aos olhos dos observadores ocidentais, isso deixou para Putin a retratação do lado ruim, algo que poderia representar um problema se ele decidir retornar à presidência no ano que vem.

"Há alguma verdade nesse argumento, e eu acho que Putin percebeu que ele precisa se preocupar com sua imagem no Ocidente", disse Alexander Rahr, especialista em Rússia no Conselho Alemão de Relações Exteriores. "O único argumento que realmente fala a favor de Medvedev é essa coisa ocidental. Esse é o seu trunfo. Putin tem de contra-atacar isso".

Impacto

A entrevista na Outdoor Life – muitas vezes um exercício de mútuos tapinhas nas costas – pode não ter um impacto muito grande, especialmente porque foi divulgada no mesmo dia de uma aguardada coletiva de imprensa de Medvedev. Mas ela mostra Putin tentando se apresentar em uma luz mais suave, mais amigável.

Em meio às discussões sobre a caça de tigres, Ernest Hemingway e a fragilidade da existência humana, Putin diz a Young que os Estados Unidos e a Rússia têm sido fortemente atraídos um pelo outro desde o colapso da União Soviética.

"Por muito tempo nós fomos cruelmente afastados uns dos outros, então é natural que a queda da Cortina de Ferro gerasse uma enorme onda de interesse em relação à Rússia", avaliou Putin.

*Por Ellen Barry

    Leia tudo sobre: rússiavladimir putindmitri medvedeveleições 2012

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG