Número de refugiados norte-coreanos na Coreia do Sul supera 20 mil

Refugiados passam três meses em centros de adaptação ao estilo de vida do país vizinho

EFE |

O número de refugiados norte-coreanos na Coreia do Sul já superou as 20 mil pessoas, especialmente por causa do aumento de chegadas nos últimos três anos por causa da persistente crise econômica do país comunista, segundo informou nesta segunda-feira o governo sul-coreano.

A refugiada número 20 mil é uma mulher de 41 anos que chegou ao Sul na quinta-feira com dois filhos de 17 e 12 anos e que fugiu do regime de Kim Jong-il através da fronteira com a China, principal via de escape para os desertores norte-coreanos, segundo informou o Ministério da Unificação sul-coreano.

Desde 2007, mais de 10 mil norte-coreanos conseguiram refúgio na Coreia do Sul, aonde chegam normalmente após atravessar a China, principal aliado da Coreia do Norte.

No último ano, 2,9 mil norte-coreanos conseguiram se refugiar na Coreia do Sul, onde são internados durante três meses em centros para que se adaptem ao moderno estilo de vida sul-coreano e se preparem para obter a cidadania sul-coreana e um trabalho.

    Leia tudo sobre: coreia do nortecoreia do sulrefugiados

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG