Número de mortos por terremoto e tsunami sobe para 432, diz governo chileno

Santiago do Chile, 30 mar (EFE).- O Ministério do Interior do Chile informou hoje que subiu para 432 o número de pessoas mortas em decorrência do terremoto do dia 27 de fevereiro no Chile e da tsunami que posteriormente atingiu o país.

EFE |

A lista recebeu mais 90 nomes após a identificação das vítimas, e ainda poderá aumentar, à medida em que mais corpos forem identificados.

O número de desaparecidos, com base em denúncias apresentadas até o dia 25 de março, é de 98 pessoas.

O terremoto de 8,8 graus na escala Richter e a tsunami que assolaram o centro e o sul do Chile deixaram também um saldo de 800 mil desabrigados e prejuízos em torno de US$ 30 bilhões. EFE.

mc/id

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG