Número de mortos por chuva chega a 32 no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro, 6 abr (EFE).- A chuva que começou a cair na tarde de segunda-feira deixou 32 mortos até o momento no Rio de Janeiro e levou o governador Sérgio Cabral a anunciar hoje que possivelmente decretará estado de emergência no estado.

EFE |

Cabral informou que, além das 32 mortes confirmadas pela Defesa Civil, pelo menos outras quatro pessoas estão desaparecidas e que o número de vítimas pode subir durante o dia.

"O estado de emergência é necessário pela quantidade de cidades afetadas", disse Cabral, ao esclarecer que, além da capital, onde a situação é caótica desde a noite de ontem, várias outras cidades do estado foram afetadas pela forte chuva.

Segundo o governador, as chuvas também provocaram deslizamentos de terra e inundações em cidades como São Gonçalo, Niterói e Itaboraí e em municípios da Baixada Fluminense.

O temporal também afetou cidades da Região dos Lagos, no litoral norte do estado, entre elas Cabo Frio e Arraial do Cabo.

A chuva, que já dura 18 horas na cidade do Rio de Janeiro, obrigou a Prefeitura a recomendar à população que não saia de casa nesta terça-feira.

"Todas as vias importantes da cidade estão interrompidas por inundações. É um risco enorme para qualquer pessoa tentar atravessar", afirmou o prefeito Eduardo Paes.

Paes também recomendou às pessoas que vivem em áreas consideradas de risco que deixem suas casas e busquem locais mais seguros, diante da possibilidade de que novos deslizamentos provoquem mais tragédias.

No Rio, os deslizamentos derrubaram casas no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste da cidade; Morro do Borel, do Turano e dos Macacos, zona norte.

Com as ruas alagadas, o trânsito ficou totalmente parado em diversos bairros da capital e muitos carros ficaram cobertos pela água.

A rede de ensino público suspendeu suas atividades hoje, além de empresas e estabelecimentos comerciais, que não contam com funcionários suficientes. Além disso, vários bairros estão sem energia elétrica. EFE cm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG