Número de mortos em Gaza chega a 1.033

Aviões israelenses lançaram nesta quarta-feira à noite uma série de ataques na Faixa de Gaza, matando pelo menos 11 palestinos, o que eleva para 1.033 o número de óbitos desde o início da ofensiva, em 27 de dezembro, informou o chefe dos serviços de emergência, Muawiya Hassanein.

AFP |

Outras 4.850 pessoas ficaram feridas nesse período.

Quatro pessoas morreram em um ataque aéreo perto do ponto de passagem de Sufa, próximo à cidade de Rafah (sul).

Três civis foram mortos no interior de uma casa ao leste de Khan Yunis (centro), enquanto um adolescente morria em outro ataque aéreo contra o bairro de Sabra, na periferia sudoeste de Gaza.

Pelo menos uma pessoa faleceu em outro ataque aéreo sobre outro bairro da cidade de Gaza, Tal Al-Hawa.

Segundo fontes médicas, duas pessoas, que seriam combatentes do Hamas, também morreram nos bombardeios nos arredores do campo de refugiados de Jabaliya, ao norte do território palestino.

Dois cinegrafistas da TV do Hamas foram feridos nesses bombardeios.

az-co/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG