Um novo tremor secundário de magnitude 5 sacudiu nesta segunda-feira a província de Sichuan (sudoeste da China), que registrou em 12 de maio um terremoto devastador de 8 graus na escala Richter, anunciou o Instituto de Geofísica dos Estados Unidos (USGS).

O tremor, que durou 10 segundos, foi registrado no distrito de Pengxian, a 20 km de Chengdu, a capital da província, segundo o Centro Chinês de Informações sobre Terremotos.

A réplica também foi sentida em Wenchuan, o epicentro do terremoto de 12 de maio.

"Foi o tremor secundário mais forte dos últimos três dias días. Os moradores correram para fora dos edifícios e das barracas e se reuniram nas ruas", declarou um jornalista presente em Wenchuan.

O terremoto de 12 de maio deixou 69.136 mortos e 17.686 desaparecidos, segundo o último balano oficial.

O USGS utiliza a "magnitude de momento" (Mw), diretamente vinculada aos parâmetros do tremor (superfície e quantidade de deslizamento sobre a falha). Nesta escala aberta, um tremor de pelo menos 6 é considerado forte.

frb/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.