Tamanho do texto

Novo jornal dominical do magnata Rupert Murdoch chegou às bancas pela primeira vez neste domingo, no Reino Unido

A primeira edição escocesa do novo jornal "The Sun on Sunday" informa neste domingo que a data para o referendo sobre a independência da Escócia será no dia 18 de outubro de 2014.

Rupert Murdoch segura a primeira edição do seu novo jornal
Reuters
Rupert Murdoch segura a primeira edição do seu novo jornal
"Essa data foi reservada como o dia em que o povo terá a ocasião de votar pela independência e igualdade da Escócia", indica a reportagem intitulada "Dia do destino", citando uma fonte oficial.

O novo dominical do magnata Rupert Murdoch, cuja primeira edição chegou às bancas neste domingo no Reino Unido, substitui o vazio deixado pelo tabloide "News of the World" - do conglomerado News Corporation -, extinto em julho passado por causa do escândalo de escutas ilegais praticadas por jornalistas.

Nesta primeira edição, a versão escocesa do "The Sun on Sunday" toca num dos assuntos que mais preocupam o governo autônomo de Alex Salmond, líder do Partido Nacional Escocês. Um dos porta-vozes do Executivo escocês assinalou à "BBC" que a data divulgada pela publicação "é, certamente, uma possibilidade", mas não acrescentou detalhes esclarecedores.

O ministro escocês revelou no mês passado seu plano de realizar um referendo no segundo semestre de 2014 sobre a independência da Escócia, que faz parte do Reino Unido desde 1707.

Já o governo do primeiro-ministro britânico, David Cameron, propôs que o eventual referendo de independência seja realizado no ano que vem, em vez de 2014 como pretende o dirigente escocês, para evitar uma incerteza que, segundo ele, danificaria a economia da Escócia.

No início desta semana, Murdoch pareceu insinuar em sua conta no Twitter um apoio à independência escocesa, com a mensagem: "Deixem que a Escócia vá e concorra. Todos deveriam ganhar".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.