O ministro das Relações Exteriores do novo governo indiano, Somanahalli Mallaiah Krishna, assegurou neste sábado que seu país estava disposto a fazer a paz com o Paquistão, se o vizinho erradicar os grupos islâmicos que atuam a partir de seu território.

"Desejamos viver em paz com nosso vizinho (...). É nosso desejo", declarou o ministro, de 77 anos, que foi designado neste sábado pelo primeiro-ministro, Manmohan Singh, como chefe da diplomacia indiana.

"Estamos dispostos a estender a mão da amizade ao Paquistão, se tomar medidas determinadas e críveis para desmantelar as infraestruturas terroristas que atuam a partir de seu território", acrescentou Krishna, veterano do Partido do Congresso, que venceu as recentes eleições gerais.

Singh designou neste sábado os membros de seu governo para seu segundo mandato de cinco anos.

pc-nr/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.