Novo Governo húngaro presta juramento no Parlamento

Budapeste, 20 abr (EFE).- O novo Governo húngaro, dirigido pelo primeiro-ministro Gordon Bajnai, prestou hoje juramento perante o Parlamento.

EFE |

O novo gabinete foi formado depois que o ex-primeiro-ministro Ferenc Gyurcsány anunciou, em 21 de março, que abandonaria o cargo devido à impopularidade de sua gestão e à dura crise econômica que afeta o país.

Bajnai, que dirigirá o Governo até as eleições legislativas de 2010, anunciou um rígido programa de economia que prevê reduzir o gasto púbico em 4 bilhões de euros nos dois próximos anos.

O novo chefe de Governo, com várias pastas nas mãos de técnicos independentes, destacou que as reformas "doerão a todos os cidadãos".

A Hungria, um dos países mais afetados pela atual crise financeira e econômica mundial, recebeu em outubro um crédito de 20 bilhões de euros do Fundo Monetário Internacional (FMI) e da União Europeia (UE) para evitar o colapso.

Espera-se que as medidas de economia afetem principalmente o setor público e os aposentados, embora algumas, como o aumento do Imposto sobre o Valor Agregado (IVA) de 20% para 25%, possam diminuir o poder aquisitivo e o nível de vida da população. EFE mn/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG