Novo dinossauro carnívoro é descoberto

Uma nova espécie de dinossauro relacionada ao carnívoro emplumado Velociraptor foi descoberto no norte da China. O predador de 2,5 metros de comprimento e cerca de 25 quilos foi batizado de linheraptor exquisitus e é da família dos dromeossaurídeos, que teria dado origem aos pássaros modernos.

BBC Brasil |

A descoberta, feita por um grupo de pesquisadores das Universidades George Washington, nos Estados Unidos, e de Londres, na Grã-Bretanha, foi anunciada na última edição da revista de taxonomia Zootaxa.


Representação artística do linheraptor exquisitus (Imagem/Divulgação)


O esqueleto da espécie desconhecida foi encontrado em um fóssil do período Cretáceo Superior (entre 99,6 milhões e 65,5 milhões de anos) na região chinesa da Mongólia Interior.

Segundo os pesquisadores da Academia Chinesa de Ciências, em Pequim, que analisaram o fóssil, ele está "excepcionalmente bem conservado", com garras completas e dentes, e seria um dos esqueletos mais completos já encontrados na região.

Eles descreveram várias das características particulares do novo dinossauro que permitiram classificá-lo como membro da família dos dromeossaurídeos.

Ágil e veloz

"Vi a ponta de uma garra que saia de um penhasco e me surpreendi totalmente ao perceber que todo o esqueleto estava enterrado na profundidade da rocha", disse Jonah Choiniere, um dos pesquisadores da Universidade de Londres.

"Este fóssil vai nos trazer muita informação sobre a evolução dos esqueletos do grupo que inclui o Velociraptor", acrescentou.

O exemplar foi encontrado na formação de Wulansuhai durante uma pesquisa de campo em 2008.

Acredita-se que o Linheraptor tenha sido um predador muito veloz e ágil, que se alimentava de pequenos dinossauros.

Assim como outros dromessaurídeos, o Linheraptor tinha grandes garras e patas curvadas, com as quais provavelmente prendia suas presas.

Os pesquisadores acreditam que agora, com o esqueleto da nova espécie, eles poderão reconstruir uma série de mudanças evolutivas dentro da família dos dromeossaurídeos.

"Este é um lindo fóssil e documenta uma etapa de transição na evolução dos dromeossaurídeos", disse Xu Xing, professor do Instituto de Paleontologia e Paleontropologia da Academia de Ciências da China.

Leia mais sobre: Dinossauro

    Leia tudo sobre: dinossauro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG