Novo cargueiro espacial russo se acopla à ISS

Moscou, 30 nov (EFE) - O primeiro cargueiro russo de nova geração Progress M-01M se acoplou hoje à Estação Espacial Internacional (ISS) com 2,5 toneladas de carga útil, informou o Centro de Controle de Vôos Espaciais da Rússia.

EFE |

A nave acoplou-se às 10h28 (horário de Brasília) ao módulo Pirs da ISS, cuja missão permanente atual é integrada pelos astronautas da Nasa (agência espacial americana) Michael Fincke e Sandra Magnus e pelo russo Yury Lonchakov.

Por se tratar do primeiro cargueiro da nova série, a operação foi realizada manualmente por Lonchakov através dos computadores da ISS, e não de forma automática, como com as "Progress" anteriores, segundo a agência russa "Interfax".

Nas próximas horas, os tripulantes da ISS testarão o estado hermético da acoplagem e nivelarão a pressão na nave e na estação, procedimento que será seguido da abertura das comportas e descarga da "Progress".

Entre o material transportado, estão 185 quilos de água, 105 de equipamento científico e 37 de equipamentos de áudio e vídeo, além de objetos pessoais e presentes de familiares e amigos dos tripulantes da ISS.

A nave foi lançada na quarta-feira da base espacial de Baikonur, no Cazaquistão, e realizou um vôo de quatro dias, e não de dois, para testar o funcionamento de seu sistema de comando digital, segundo explicou o chefe do programa de vôo do segmento russo da ISS, Vladimir Soloviov.

Ainda hoje, deve aterrissar na Flórida o ônibus espacial "Endeavour", que retorna da ISS com sete astronautas a bordo após 16 dias de missão que incluiu quatro caminhadas espaciais. EFE si/wr/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG