Dois dias após uma batida ter deixado 11 mortos na Argentina, 90 passageiros ficam feridos em choque entre caminhão, ônibus e trem

Uma novo acidente envolvendo um ônibus, um caminhão e um trem da linha de metrô de Buenos Aires nesta quinta-feira deixou 90 feridos na região sul do país, apenas dois dias depois da batida de um ônibus e dois trens na estação ferroviária de Flores.

Apesar de envolver muitos passageiros, o acidente desta quinta-feira não deixou nenhum ferido em estado grave, nem causou nenhuma morte, informou Alberto Crescenti, diretor do serviço de emergências da cidade.

Crescenti relatou que foram enviadas 30 ambulâncias para atender os feridos no local do acidente, que ocorreu no bairro de Villa Lugano em pleno horário do pico do transporte público, quando um caminhão se chocou com um ônibus, que, por sua vez, foi atingido por um "premetro", um pequeno trem que leva os passageiros até uma das seis linhas do metrô portenho.

Na última terça-feira, também em horário de grande movimento, a colisão de um ônibus e dois trens no bairro de Flores resultou em 11 mortos e 228 feridos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.