Nove italianos estão entre os seqüestrados em Mumbai

Roma, 27 nov (EFE).- Nove italianos estão entre os seqüestrados nos hotéis Oberoi/Trident e Taj Mahal de Mumbai, informaram hoje fontes do Ministério de Assuntos Exteriores italiano.

EFE |

As fontes explicaram que não é possível confirmar se há vítimas entre os italianos após os atentados, que deixaram ao menos 101 mortos na cidade indiana.

"Entramos em contato com alguns dos italianos via telefone celular. Eles estão trancados em seus quartos e disseram que a situação é preocupante", disse hoje o ministro de Exteriores italiano, Franco Frattini, à imprensa local.

Após os ataques, a Embaixada italiana na Índia indicou que 14 italianos estavam retidos nos hotéis de Mumbai, entre eles uma mulher com sua filha de poucos meses.

O Embaixador da Itália nesse país, Roberto Toscano, assinalou ontem à noite que alguns de seus compatriotas conseguiram deixar os hotéis assediados e se encontram no consulado, mas reiterou que não é possível confirmar se há vítimas entre os italianos. EFE ccg/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG