A polícia de Nova York anunciou que reforçou a segurança no metrô da cidade depois de uma informação não confirmada sobre um eventual plano de atentado terrorista da rede Al-Qaeda aos transportes públicos.

"A polícia de Nova York está a par de informações não confirmadas sobre um projeto de atentado de terroristas da Al-Qaeda nos transportes públicos na cidade", declarou o porta-voz Paul Browne.

"Não há provas, no entanto, de que este projeto tenha sido levado adiante de alguma maneira", ponderou.

Browne destacou que apesar deste tipo de informação aparecer com freqüência, a polícia de Nova York decidiu "reforçar a segurança na rede de transportes públicos" da cidade.

O departamento americano de Segurança Interna, por sua vez, afirmou através de sua porta-voz Amy Kudwa que a informação sobre o suposto plano da Al-Qaeda fora transmitida pelo FBI, a Polícia Federal dos Estados Unidos.

"Nem o FBI, nem o departamento de Segurança Interna, dispõem de informações segundo as quais este projeto tenha sido de alguma forma levado adiante", acrescentou.

O nível de alerta não foi modificado, inclusive nos transportes coletivos, destacou a porta-voz.

Os americanos se preparam para viajar em massa neste fim de semana, por motivo da comemoração do dia de Ação de Graças.

ltl/yw/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.