Nova primeira-ministra do Haiti apresenta documentação ao Senado

Porto Príncipe, 18 jul (EFE) - A economista haitiana Michele Duvivier Pierre-Louis apresentou hoje a documentação perante o Senado do país, um dia depois que a Câmara dos Deputados aprovou sua nomeação ao cargo de primeira-ministra feita pelo presidente haitiano, René Préval, no Parlamento.

EFE |

"Estou muito contente com os resultados", declarou Pierre-Louis, depois de entregar a documentação, e agradeceu publicamente aos deputados que a apoiaram na sessão de quinta-feira.

A economista afirmou que se encontra na segunda etapa da ratificação e está "esperando".

Ele ressaltou ainda que se encontra "comprometida em uma luta que não está fácil".

"Devemos ver quais são as negociações possíveis para encontrar um consenso sobre os assuntos do país", acrescentou.

O presidente do Senado, Kelly Bastien, prometeu que hoje mesmo enviará a documentação à comissão especial de estudo, após assegurar que "a situação da nação é urgente".

Segundo a Carta Magna do Haiti, o primeiro-ministro designado deve ser ratificado pelas duas Câmaras do Parlamento antes de poder conformar um Governo e apresentar seu plano de gestão às entidades legislativas.

O Haiti não tem um Governo legítimo há três meses, depois que o atual primeiro-ministro interino, Jacques Edouard Alexis, foi aprovado pela Câmara dos Deputados, em meio a uma crise alimentícia que originou violentos distúrbios.

Eriq Pierre e Robert Manuel foram rejeitados pela Câmara dos Deputados, apesar de o primeiro ter obtido o voto positivo do senado. EFE gp/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG