Nova legislatura italiana começa com primeira reunião das Câmaras

Roma, 29 abr (EFE). A 16ª legislatura italiana foi inaugurada hoje oficialmente com a primeira reunião da Câmara dos Deputados e do Senado, que agora iniciarão as votações para escolher seus respectivos presidentes.

EFE |

A abertura ficou a cargo do deputado Pierluigi Castagnetti, em um ato realizado na sede da Câmara dos Deputados, o Palácio de Montecitorio.

Em seu discurso, o deputado se dirigiu a todos os parlamentares, tanto os escolhidos pela primeira vez quanto os que repetem mandato, e lhes desejou que conservem e recuperem o sentimento do primeiro dia.

Esse sentimento lhes ajudará a "manter alto o prestígio desta instituição e conservar sempre a consciência" de sua "responsabilidade de ter de representar, neste templo da soberania popular, os cidadãos".

Nas eleições de 13 e 14 abril, que teve a vitória do conservador Povo da Liberdade (PDL), de Silvio Berlusconi, que se apresentou em coalizão com a federalista Liga Norte, foram escolhidos 630 deputados e 315 senadores.

O novo presidente de Senado deve ser eleito hoje mesmo na primeira votação, e deve ser Renato Schifani, candidato do PDL, pois só é necessária a maioria de 162 votos.

A escolha do presidente da Câmara dos Deputados deve ter que esperar até amanhã, e o PDL apresentou para o posto Gianfranco Fini, de 56 anos e presidente da direitista Aliança Nacional, que concorreu às eleições dentro da lista do Povo da Liberdade. EFE cr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG