Nova Comissão Executiva do PSOE espanhol é eleita com 98,92% dos votos

Madri, 6 jul (EFE).- A nova Comissão Executiva do Partido Socialista (PSOE, governista), proposta pelo reeleito secretário-geral da legenda e presidente do Governo espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, recebeu hoje a aprovação de 98,92% dos votos dos delegados.

EFE |

O 37º Congresso do PSOE, que termina hoje em Madri, elegeu a nova direção na qual, entre as principais novidades, destaca-se a recuperação do Vice-secretariado-geral do partido.

Esse cargo será ocupado por José Blanco López, até agora secretário de Organização, função desempenhada a partir de hoje por Leire Pajín, atual secretária de Estado de Cooperação no Governo de Zapatero.

Outra novidade é Bernarda Jiménez Clemente, imigrante dominicana de 58 anos e que entra na direção do partido como secretária-executiva de Integração e Convivência.

A nova Comissão Executiva - que incorpora 11 secretarias de área, cinco secretarias executivas e 12 vogais (que têm direito a voto em assembléia) -, recebeu o apoio de 920 (98,92%) dos 930 delegados que votaram, assim como dez votos em branco.

Em seu discurso de encerramento, Zapatero reiterou hoje a aposta de seu partido em uma Espanha que "fala em uma língua e em várias", que "soma e não limita", convencido de que não poderá governar o país quem não entender essa "realidade diversa". EFE nac/wr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG