Notícia sobre Kim retoma polêmica sobre saúde de líder norte-coreano

Seul, 3 jan (EFE).- O líder da Coréia do Norte Kim Jong-il inspecionou a primeira unidade militar de tanques do país em virtude do ano novo, segundo informou a agência de notícias norte-coreana KCNA, citada hoje pela sul-coreana Yonhap.

EFE |

As especulações sobre o estado de saúde de Kim, de 66 anos, são constantes desde que em 9 de novembro ele não foi ao desfile que lembrou o 60ª aniversário do regime comunista.

Segundo fontes da espionagem de Estados Unidos e Coréia do Sul, o chefe de Estado teria sofrido em agosto um derrame cerebral do qual estaria se recuperando.

No entanto, a imprensa norte-coreana informa periodicamente de supostas aparições públicas de seu dirigente.

Em uma matéria enviada ontem, sobre o qual informa hoje a "Yonhap", a "KCNA" assegura que Kim inspecionou a divisão de tanques que esteve sob comando direto de seu pai, Kim Il-sung, e "felicitou as pessoas de serviço pelo ano novo".

A agência norte-coreana indicou que Kim Jong-il foi acompanhado de vários gerais e tirou uma foto com vários soldados, que não foi divulgada.

Recentemente a "KCNA" assegurou que Kim foi visto em público até em 91 ocasiões em 2008 frente às 86 aparições do ano passado, perante as constantes especulações sobre seu estado de saúde.

Segundo a imprensa norte-coreana, Kim reapareceu em público pela primeira vez em 4 de outubro em várias fotos tiradas em uma partida de futebol e distribuídas pela "KCNA", que no entanto não especificou a data das imagens. EFE ce/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG