hora da virada em crise financeira - Mundo - iG" /

Nobel de Economia vê hora da virada em crise financeira

O vencedor do prêmio Nobel de Economia deste ano, o economista americano Paul Krugman, disse que a atual crise financeira global pode ter chegado à hora da virada. Em uma entrevista à BBC, Krugman disse que medidas anunciadas por vários governos europeus nas últimas duas semanas - injetando bilhões no sistema bancário - superaram suas expectativas.

BBC Brasil |

Segundo ele, muitos economistas haviam enfatizado a necessidade de se conseguir mais capital para os bancos e de oferecer garantias para empréstimos interbancários, mas os governantes não haviam seguido essa recomendação até agora.

As duas medidas estão no centro do plano de resgate acordado entre líderes dos 15 países da chamada zona do euro (que adotaram o euro como moeda) no fim-de-semana.

"Uma coisa que tem sido preocupante é que, a cada estágio dessa crise, os governos não responderam tão bem como era de se esperar. E, finalmente, no encontro europeu (do fim-de-semana), eles anunciaram um plano melhor, mais forte, melhor concebido do que eu esperava. Então, isso foi uma boa notícia, pode ser a hora da virada da crise", afirmou.

Krugman disse que há cerca de dois meses economistas vinham sinalizando para a necessidade de medidas que adotassem uma combinação de recapitalização e garantias.

Krugman acrescentou que, agora, é necessário voltar a adotar regras mais rígidas para os mercados financeiros.

"Eu diria que os mercados cresceram mais rapidamente do que as regras. Nós tínhamos um sistema de bancos de prédios de mármore e pessoas atrás de janelas que cuidavam do seu dinheiro e esse era um sistema relativamente bem regulado", afirmou.

Agora, segundo o economista, no mundo atual, "de hedge funds e CDOs ('collateralized debt obligations', obrigações de dívida garantida por ativos)", muitos dos negócios bancários são feitos não por bancos, mas por outras instituições e, por isso, não são regulados.

Krugman ganhou o Nobel por sua capacidade de "analisar os padrões do comércio e localizar a atividade econômica". A Academia Real de Ciências da Suécia disse que o prêmio reconhece a teoria criada pelo economista, que determina os efeitos do livre mercado e da globalização.

Na entrevista à BBC, Krugman disse que ainda acredita que a globalização "representa uma esperança para os países pobres do mundo", mas tem também efeitos adversos.

"Nós acabamos de ver que a globalização financeira faz com que seja possível que uma crise na Flórida provoque caos econômico na Islândia", afirmou.

Questionado sobre se estaria pensando, devido à crise, em colocar o prêmio de US$ 1,4 mi que ganhou debaixo do colchão, Krugman disse que não, mas que ainda não decidiu o que fazer com o dinheiro.

"Há gente dizendo que as únicas coisas que as pessoas querem comprar agora são títulos do Tesouro americano e garrafas de água. Eu fico com os títulos do Tesouro americano", brincou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG