Niemeyer deixa CTI após cirurgia para retirada da vesícula

Rio de Janeiro, 26 set (EFE).- O arquiteto Oscar Niemeyer deixou hoje o Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, onde na quarta-feira passou por uma bem-sucedida cirurgia para a retirada da vesícula.

EFE |

Segundo um comunicado divulgado pelo hospital, Niemeyer, de 101 anos, foi levado para um quarto individual de uma unidade intermediária de recuperação.

De acordo com o hospital, o estado de saúde de Niemeyer é estável. O arquiteto respira sem a ajuda de aparelhos. Nos próximos dias, ele será submetido a exames de rotina.

O médico encarregado da cirurgia, Fernando Gjorup, ainda não informou a data da possível alta do arquiteto.

Niemeyer foi internado na noite de quarta-feira com dores abdominais. Os exames realizados no dia diagnosticaram a existência de cálculos na vesícula, motivo pelo qual se optou pela intervenção cirúrgica.

Em junho, o arquiteto foi hospitalizado por algumas horas por causa de dores na região lombar. EFE wgm/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG