New York Times declara apoio a Obama

NOVA YORK (Reuters) - O jornal The New York Times declarou seu apoio ao democrata Barack Obama na disputa presidencial norte-americana, dizendo num editorial que ele enfrentou desafio após desafio, crescendo como líder e dando consistência às suas promessas iniciais de esperança e mudança. O texto de apoio foi publicado na quinta-feira à noite no site e na edição desta sexta-feira do jornal.

Reuters |

No começo do ano, o jornal havia apoiado Hillary Clinton, senadora por Nova York, na disputa interna do Partido Democrata. O editorial de quinta-feira, porém, diz que há muito tempo Obama eliminou as dúvidas que haviam levado o NYT à decisão anterior.

"Ele atraiu legiões de novos eleitores, com mensagens poderosas de esperança e possibilidade, e apelos por sacrifícios conjuntos e responsabilidade social", disse o NYT

"Eles demonstrou cabeça fria e bom-senso. Acreditamos que ele tenha a vontade e a capacidade de forjar o amplo consenso político que é essencial para encontrar soluções para os problemas desta nação", acrescentou o editorial.

O jornal disse que foi fácil escolher entre Obama e o republicano John McCain.

"O sr. McCain, que escolhemos como o melhor indicado republicano nas primárias, gastou as últimas moedas da sua reputação de ter princípios e bom-senso para aplacar às exigências ilimitadas e à visão estreita da ultra-direita", afirmou o texto.

O apoio a Obama já era bastante esperado, pois o New YYork Times apoiou os democratas John Kerry e Al Gore em 2004 e 2000, respectivamente. Obama tem amplo favoritismo no Estado de Nova York.

Segundo a revista Editor & Publisher, Obama angaria o triplo de apoios de jornais do que McCain. Nesta semana, o democrata havia recebido o aval do principal jornal da cidade onde fez carreira política, o conservador Chicago Tribune.

É praxe para os jornais norte-americanos declararem a sua preferência, mas em geral isso tem pouca influência sobre o eleitorado, especialmente nas eleições presidenciais.

(Reportagem de Alan Elsner)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG