Neve, chuva e frio apagam devastadores incêndios na Argentina

Os focos de incêndio que castigaram as turísticas serranias da província de Córdoba (centro), por vários dias, foram controlados nesta sexta-feira, com o início de chuva, queda de neve e da temperatura e diante da ausência de ventos fortes, informou uma fonte do governo local.

AFP |

A chegada da neve e da chuva foi festejada pelos cerca de 500 bombeiros que trabalham na zona de Capilla del Monte, ao norte da cidade de Córdoba, a capital provincial 700 km ao noroeste de Buenos Aires.

"Ainda persiste uma frente (de fogo) com atividade no monte Uritorco, mas, se essas condições se mantiverem, com certeza, poderemos extinguir as chamas totalmente", advertiu o responsável pelo Plano Provincial de Luta contra o Fogo, Marcelo Colombatti.

Por precaução, cerca de 180 bombeiros se manterão em alerta por pelo menos mais 24 horas, no lado nordeste do Uritorco, perto de Capilla del Monte, disse o subdiretor do Plano Provincial, Diego Concha.

O incêndio, de cerca de 25 km de frente, deflagrado no início da semana, foi criminoso, denunciou o governo de Córdoba, na terça-feira.

A estimativa é que 50.000 hectares tenham sido afetados.

ls/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG