Nevasca cancela centenas de voos nos Estados Unidos

O Serviço Meteorológico Nacional informou que uma grande tormenta se deslocando do centro dos Estados Unidos afetaria a região

AFP |

Centenas de voos dos movimentados aeroportos de Chicago (Illinois, nordeste dos Estados Unidos) foram cancelados nesta sexta-feira, depois de o serviço meteorológico anunciar que uma forte tempestade de neve atingiria a região, informaram fontes oficiais.

Até as 21h30 GMT, 700 voos haviam sido cancelados no aeroporto internacional O'Hare de Chicago - o segundo mais movimentado dos Estados Unidos, depois do de Atlanta - e no de Midway. Ambos os terminais reportaram "atrasos significativos e cancelamentos", assinalou o Departamento de Aviação de Chicago.

O Serviço Meteorológico Nacional (NWS) informou que uma grande tormenta se deslocando do centro dos Estados Unidos afetaria a região com neve e chuva entre a tarde de sexta-feira e a madrugada de sábado.

"São esperadas nevascas totais de até seis polegadas" (cerca de 10 a 15 centímetros) na área de Chicago, "com proporções possivelmente maiores" em algumas áreas, diz o alerta emitido pelo NWS. "O acúmulo de neve causará um aumento significativo da duração das viagens, e a tarde será particularmente perigosa para as viagens" na região, acrescenta o texto.

As temperaturas especialmente baixas "tornarão mais difícil para as equipes das pistas manter as vias livres de neve e gelo", advertiu o NWS, que recomendou as pessoas a "viajarem apenas em caso de emergência". Espera-se que a tormenta passe por Chicago durante a noite e siga até a costa leste, afetando Nova York e regiões de Washington.

    Leia tudo sobre: euaclimaviagenstransporte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG