Netanyahu viaja ao Egito semana que vem

Jerusalém, 8 set (EFE).- O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, viajará na semana que vem ao Egito para se reunir com o presidente Hosni Mubarak, informaram hoje fontes de seu escritório.

EFE |

As fontes se limitaram a confirmar a viagem e se negaram a comentar qual era propósito dessa que será a segunda visita de Netanyahu ao Cairo desde que formou Governo em março.

Egito foi o primeiro destino estrangeiro do primeiro-ministro israelense - antes inclusive que os Estados Unidos, tradicional aliado deste país -, o que foi interpretado em seu dia como uma tentativa de aproximação ao mundo árabe.

A viagem de Netanyahu segue ao que há poucos dias fizeram a essa capital árabe vários dirigentes do movimento islamista Hamas, entre eles o líder do birô político Khaled Meshaal.

Segundo a imprensa israelense e palestina, na agenda de Meshaal estiveram as negociações para uma troca do soldado israelense Gilad Shalit, capturado pelo braço armado do Hamas e outras duas milícias palestinas em junho de 2006.

O jornal do Kwait "Al Yaride" informou hoje, ao falar da viagem, que Netanyahu também buscará a colaboração de Mubarak aos "últimos desenvolvimentos na região", aparente alusão aos esforços americanos para reativar o processo de paz.

O enviado especial americano, George Mitchell, que chegará no sábado ao Oriente Médio, trata de encorajar aos países árabes para que se comprometam a algum gesto de normalização em direção a Israel uma vez que este país pare a construção de assentamentos.

A expansão dos assentamentos é a principal condição que afastam os palestinos de negociar com os israelenses.

No domingo Israel aprovou a construção de mais de 450 casas no território palestino ocupado segundo a imprensa local, para contentar aos colonos judeus perante uma paralisação da ampliação dos assentamentos. EFE elb/fk

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG