Netanyahu propôs a Mubarak um encontro com Abbas no Egito

JERUSALÉM - O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, propôs ao presidente egípcio, Hosni Mubarak, um encontro neste mês na cidade egípcia de Sharm el-Sheikh com o presidente palestino, Mahmoud Abbas, para reiniciar as negociações de paz.

EFE |

Netanyahu fez a proposta ao chefe do estado egípcio no encontro que os dois tiveram na terça-feira passada no Cairo, informou hoje o jornal israelense "Ha'aretz", na sua versão digital, citando fontes do escritório do chefe de Governo.

Após a reunião dos dirigentes, o ministro egípcio de Assuntos Exteriores, Ahmed Aboul Gheit, afirmou que o primeiro-ministro israelense levou "posturas que superam posições anteriores" e que permitem vislumbrar um avanço para desbloquear as negociações de paz no Oriente Médio.

Nos últimos meses, Israel tentou em vão reiniciar o diálogo de paz com os palestinos, suspenso desde a operação militar israelense contra a Faixa de Gaza em janeiro do ano passado.

Abbas, no entanto, reiterou sua recusa a retornar à mesa de negociações enquanto Israel continuar ampliando as colônias na Cisjordânia e na parte oriental de Jerusalém, que os palestinos reivindicam como capital de seu futuro estado.

Em novembro passado, Netanyahu ordenou a suspensão temporária e parcial da construção nos assentamentos, decisão que não afeta os prédios públicos e as obras já iniciadas em Jerusalém Oriental, medidas consideradas insuficientes pelos palestinos.

Leia mais sobre: Egito

    Leia tudo sobre: abbasegito

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG