Netanyahu faz visita misteriosa ao serviço secreto israelense

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, fez na segunda-feira uma visita de várias horas ao quartel-general do Mossad, o serviço secreto de Israel, na região de Tel Aviv, informa a rádio militar.

AFP |

A visita, que não havia sido anunciada previamente e que não figurava na agenda oficial de Netanyahu, provocou uma onda de boatos sobre uma possível viagem secreta ao exterior do premier.

A visita, "excepcionalmente prolongada", durou 10 horas, segundo a rádio militar, que no entanto não divulgou o objetivo da mesma.

Ao fim de várias horas de incerteza, o assessor militar do primeiro-ministro, general Meir Kalifi, afirmou que acompanhou Netanyahu à sede do Mossad ao lado do conselheiro de Segurança Nacional Uzi Arad, antigo comandante do serviço de inteligência israelense.

O Mossad e o Shin Beth, o serviço de segurança interna israelense, estão sob a autoridade direta do primeiro-ministro.

jlr/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG