Netanyahu afirma que um Irã nuclear é a maior ameaça para Israel

Um Irã dotado da bomba atômica seria a maior ameaça para Israel e para o mundo, assegurou neste domingo o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, em seu primeiro discurso sobre política externa.

AFP |

"A maior ameaça para Israel, para o Oriente Médio e para o mundo inteiro, é o encontro entre a arma nuclear e o Islã radical", declarou Netanyahu em um discurso pronunciado na Universidade Bar Ilan, próximo a Tel Aviv.

"Vou trabalhar particularmente nas minhas próximas viagens por uma coalizão internacional contra o armamento nuclear do Irã", acrescentou Netanyahu, no dia seguinte ao anúncio de reeleição do presidente do Irã, Mahmud Ahmadinejad, inimigo declarado de Israel.

Israel, assim como o restante das potências ocidentais, suspeita que Teerã deseje produzir um arsenal nuclear sob o pretexto de desenvolver um programa civil, algo que Teerã desmente.

Netanyahu considerou que o programa nuclear iraniano é uma "ameaça existencial" e Israel se negou até agora a renunciar oficialmente à opção militar contra a República Islâmica.

O Irã lembra com frequência que Israel é a única potência nuclear da região.

bur-dlm/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG