Washington, 5 jul (EFE).- O presidente deposto de Honduras, Miguel Zelaya, tentará retornar hoje a seu país em um voo no qual não viajará nenhum outro chefe de Estado latino-americano, como tinha sido previsto, mas será acompanhado pelo presidente da Assembleia Geral da ONU, o ex-chanceler nicaraguense Miguel DEscoto.

EFE elv/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.