Negroponte chega a Kirkuk para analisar situação na cidade

Bagdá, 4 out (EFE).- O subsecretário de Estado americano, John Negroponte, chegou hoje à cidade petrolífera iraquiana de Kirkuk para analisar a situação na região, que é reivindicada por curdos, árabes e turcomanos.

EFE |

O diplomata americano chegou à cidade, cerca de 250 quilômetros ao norte de Bagdá, por volta das 12h locais, procedente de Bagdá, onde esteve nesta sexta-feira à noite em uma visita surpresa.

Segundo fontes locais, Negroponte teve uma reunião com líderes das alianças políticas curda, turcomana, árabe e cristã, com os quais conversou sobre diversos assuntos, como as eleições provinciais e a distribuição da autoridade.

Além disso, o diplomata americano falou sobre mecanismos que possam ajudar o trabalho de uma comissão parlamentar que trata da situação vivida pela cidade.

Segundo as fontes, Negroponte destacou que o trabalho dessa comissão transcorre com total transparência e com a colaboração de todos os grupos étnicos.

O diplomata se reuniu ontem com o presidente do Parlamento iraquiano, Mahmoud al-Mashadani, com quem dialogou sobre o processo político em curso no Iraque e sobre o importante progresso que o Governo obteve na área de segurança.

Já o deputado Mahmoud Ozman, pertencente à Aliança Curda (AK), desmentiu que o Conselho Presidencial do Iraque, liderado pelo presidente iraquiano Jalal Talabani, tenha referendado ontem a polêmica lei de eleições provinciais.

De acordo com alguns meios de comunicação, a instância governamental aprovou a nova legislação em uma sessão realizada na região de Dukan.

No último dia 24, o Parlamento iraquiano aprovou pela segunda vez, e de forma unânime, leis para as eleições provinciais, depois que o presidente Jalal Talabani as rejeitou e enviou-as de volta ao Legislativo. EFE ah/fh/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG